Fãs, Amigos e afins

25 de janeiro de 2012

Uma das 101 (ou mais) musicas que me tocam parte IV

Bem vamos lá a quarta entrega.
Desta vez vou usar a expressão: « Palavras pra que» e vou apenas deixar que se deleitem com o melhor grupo do mundo...

Negras Como a Noite

Com mãos de veludo 
Negras como a noite
Tu deste-me tudo 
E eu parti
Um homem trabalha
Do outro lado do rio
Com as suas duas mãos
Repara o navio
Está sozinho e triste
Mas tem de aguentar
Já falta tão pouco
Para poder voltar
Vai ficar tudo bem
Isso eu sei
Vai ficar tudo bem
Isso eu sei
quando o sol
Se juntar ao mar
E te voltara beijar
Só mais uma vez, só mais uma vez
Só mais uma vez, só mais esta vez
Com adeus começa
Outro dia igual
Ficou a promessa
Escondida no lençol
Negras como a noite
Vindas de outra terra
As mãos de veludo
Estão á sua espera
Vai ficar tudo bem
Isso eu sei
Vai ficar tudo bem
Isso eu sei
quando o sol
Se juntar ao mar
E te voltara beijar
Só mais uma vez, só mais uma vez
Só mais uma vez, só mais esta vez

2 comentários:

Susana Fernandes disse...

Depois desta ficou cientificamente comprovado que és um romântico incurável... lol...

Oscar Tomé disse...

Susana, Hum... há quem ache o contrário, vá-se lá saber...